Ponte Sardão Meirinhos

MasterSeal M 689

Ponte Sardão Meirinhos

Enquadramento

Ponte executada em 2003.

O Tabuleiro foi construído em caixão unicelular, em betão armado pré-esforçado, executado por consolas sucessivas a partir dos pilares. Pilares centrais com uma altura máxima de 75m, pré-esforçados excentricamente e apoiados sobre maciços ancorados na rocha.

O desafio

Com a construção da barragem do Baixo Sabor os pilares da ponte serão submersos pela albufeira.

Pelo facto da possível reação álcalis-agregados, a preocupação do dono de obra, foi de controlar a humidade do betão submerso, por forma a diminuir o potencial de reatividade do betão, aumentando desta forma a vida útil da estrutura.

Foi solicitado pelo projetista uma solução de impermeabilização/protecção do betão que cumprisse com a classe A5 de ponteamento de fissuras estáticas (EN 1062-7).

Ponte Sardão MeirinhosPonte Sardão Meirinhos

Nossa solução

A solução adoptada foi a aplicação de uma membrana de base poliureia MasterSeal M 689. Solução classificada segundo a UNE EN 1504 – 2 Produtos para protecção superficial.

Benefícios para o cliente

A solução aplicada garante a impermeabilização dos pilares e cumpre com os requisitos solicitados pelo dono de Obra. Devido às condicionantes da obra uma solução projectada permitiu a execução num curto espaço de tempo.

Para o cliente final a facilidade de manutenção e durabilidade do sistema são as maiores valias.

Dados de resumo do projecto

  • Área total Impermeabilizada 5000m2.
  • Impermeabilização no interior e exterior dos pilares
  • Obra executada em dois meses

Descargar Referencia de ​Obra